Reflexão temática a partir do longa metragem em formato documentário do Realizador / Director: Philippe Costantini  (PT) em colaboração com o Instituto Camões.

"A Casa das Mães" debruça-se sobre a instituição social "Casa de Santo António" em Lisboa, que presta apoio prático e emocional a cerca de vinte mães adolescentes. Durante os dois ou três anos de residência as jovens são preparadas para uma vida auto-suficiente que lhes permita cuidar dos seus filhos. O caminho para esse objetivo entre a infância e a idade adulta é difícil e acidentado: as rotinas diárias, as relações sociais, a auto-estima e a responsabilidade não são óbvias e colidem por vezes com as necessidades, interesses, medos e sonhos destas jovens mães.

Maternidade Precoce.

25.10 : 15h30

Sala Damião de Goes - Embaixada de Portugal

Cinema e Feminismo no Brasil

26.10 : 19h00

Les Cercle des Voyageurs

Rue des Grandes Carmes, 1000

1000 Brussels

Exibição de curtas metragens que abordam as diversas perspectivas da condição da mulher, seus afetos e afeições. Situações como aborto, solidão, independência e maternidade serão tratados nos curtas apresentados com o olhar das diretoras.

O debate contará com a presença de realizadoras brasileiras do DAFB (*) - Coletivo de Diretoras de Fotografia de Cinema do Brasil que falarão da condição de realizadora num universo predominantemente masculino e também o olhar sobre as mulheres retratadas dentro das respectivas abordagens. 

 

Identidade de Gênero

27.10 : 19h00

Creative Events

Galerie Ravenstein

1000 Brussels

Projeção de filmes brasileiros do coletivo DAFB - Coletivo das Diretoras de Fotografia do Brasil e debate sobre a questão do feminino - gênero e identidade com mediação em colaboração com Diversito - com mediação Alan De Bruyne.

PALOP 

e Cinema 

Africano

25/10 : 18h30

Sala Damião de Goes

Embaixada de Portugal

 
No âmbito dos 25 anos do PALOP _TL UE, vão ser projectadas as curtas-metragens vencedoras do concurso de 2017, seguindo-se um debate
sobre o PALOP e Cinema Africano, na presença das duas realizadoras e em colaboração com Instituto Camões em Bruxelas.


Os filmes

Hora di Bai, de Samira Vera Cruz (Cabo Verde)
Miná Kiá, de Katya Aragão (São Tomé e Principe)

ICONEbr.png
  • Facebook - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo